BenficaNews24Porto

Calado ficou zangado em direto na CMTV depois da anedota da Liga, saiba mais

FC Porto e Benfica encontram-se esta quinta-feira, no estádio do Dragão. Um jogo que vale o apuramento para os quartos-de-final da Taça de Portugal e que está a ser marcado por uma particularidade muito indesejada.

É que nenhuma das equipas terá o treinador principal no banco. Nem Jorge Jesus, nem Sérgio Conceição poderão orientar as equipas a partir do banco. Os dois ficarão na bancada, por estarem a cumprir castigos relativos à época passada.

Os castigos demoraram meses para serem aplicados e foram logo coincidir com um dos jogos mais marcantes da temporada, um sempre apaixonante FC Porto – Benfica. O que está a revoltar muitos adeptos, incluindo Calado, o agora comentador desportivo da CMTV.

Em causa, para o ex-jogador do Benfica, não está a justiça dos castigos, mas antes a demora da sua aplicação. Afinal, os dois treinadores estão agora a ser penalizados por palavras proferidas ainda durante a época passada.

“Eu não entendo o que se passa em Portugal ao nível da disciplina. Demorar tanto tempo para dar castigo e depois esperar uma altura destas para deixar os treinadores de Benfica e FC Porto de fora de um jogo que tem tudo para ser um grande jogo. Isto é mais uma anedota do futebol português a que nos vamos habituando mas que não nos devíamos habituar”, afirmou Calado, numa crítica clara ao Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

Com isto, Vítor Bruno e João de Deus vão-se estrear como treinadores neste primeiro Clássico FC Porto – Benfica. O jogo está agendado para esta quinta-feira, às 20h45.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo