News24Sporting

ÚLTIMA HORA: Rúben Amorim até nas derrotas tenho tido sorte, saiba mais

Durante a análise ao apuramento para as meias-finais da Taça de Portugal, após o 4-0 ao Leça, Rúben Amorim aproveitou para escalpelizar o que de mal fez a equipa do Sporting na derrota, por 2-3, na passada sexta-feira, com o Santa Clara, jogo que o treinador falhou devido a infeção de Covid-19.

 

«Obviamente que gostava de ter lá estado para dar a cara. Até nisto tenho tido sorte, na época passada, na altura em que tivemos mais derrotas, era o Emanuel Ferro a dar cara porque eu ainda não tinha o curso. Foi difícil para mim, é muito pior para um treinador estar 90 minutos em casa sem sintomas de Covid-19 do que no campo. O que tinha a dizer à equipa disse hoje, por isso é que veio o plantel todo para estágio», disse à CNN, sublinhando que faltou «agressividade» aos jogadores no jogo na ilha.

 

«O Sporting elevou muito a fasquia e os jogadores sabem que não foram a equipa que costumam ser, já falámos sobre isso e vamos melhorar esses aspetos. Faltaram, sobretudo, agressividade e intensidade, essa é a base da nossa equipa e foi bastante óbvio.»

 

Sobre a goleada ao conjunto do Campeonato de Portugal, o treinador ressalvou o compromisso mostrado pela equipa.

 

«Hoje fomos mais intensos, muito sérios, comprometidos, marcámos cedo e não demos oportunidades ao Leça. Acaba por ser um resultado justo. Fizemos a rotação que temos sempre feito, estes jogadores também precisam de jogo, de estímulos diferentes, sendo que o principal objetivo é ganhar jogos, é isso que tentamos fazer em todas as competições.»

Fonte: Abola.pt

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo