Porto

ÚLTIMA HORA: Francisco J. Marques: Parece que querem retirar Conceição o mais possível do banco, saiba mais

Francisco J. Marques criticou o excesso de zelo dos árbitros neste arranque de época, relativamente aos protestos, apontando a diferença de critérios em relação aos jogadores do Sporting e Sérgio Conceição, que já viu dois cartões amarelos.

“Parece que a história da tolerância zero tem o campeão como destinatário. Há imagens de jogadores do Sporting a protestar, o que para mim é um protesto normal. Acontece com todas as equipas e em todos os jogos. Futebol não é ópera, nem bailado e é normal que haja manifestações. A maioria destas manifestaçõess não são sequer dirigidas ao árbitro. Às vezes são dirigidas ao próprio jogador, ou ao colega ou ao adversário. Queremos que o campeonato português rivalize com a liga do Vaticano. Surgiu uma notícia, em cima da época desportiva, de que iria haver tolerância zero a estes exageros. Devia era haver tolerância zero às infracções às lei do jogo. Mas não. Primeiro jogo oficial, aos 8 minutos, Sérgio Conceição foi amarelado pelo senhor árbitro [Manuel Mota] por ter feito uma manifestação sem se ter dirigido a ele. Uma manifestação perfeitamente natural para quem vive o jogo com aquela intensidade. Queremos futebol com paixão ou todos de braços cruzados, sentadinhos, em silêncio a seguir o jogo? Queremos é emoção. Não pode ser nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Isto é extraordinária falta de senso. Queremos retirar protagonistas ao jogo? Vemos o Nuno Santos a usar vernáculo. Vamos pedir para ele ser expulso por sermos adversários? É isso que interessa? Tirar jogadores e treinadores de campo? Enfraquecer a competição? Repito: aos 8 minutos, o senhor árbitro Manuel Mota, seguindo instruções, deu um amarelo a Sérgio Conceição. Não podem ser mais assanhados contra o FC Porto do que contra outras equipas. É engraçado que no futebol português havia um treinador que vivia intensamente o jogo, que era Jorge Jesus. Parece que estavam à espera que ele saísse para se ter uma regra contra o treinador que mais tem brilhado no futebol português. Parece que querem retirar Sérgio Conceição o mais possível do banco. À distância, Sérgio Conceição orienta na mesma com brilhantismo a nossa equipa”, referiu Francisco J. Marques, no Porto Canal.

 

Fonte: record.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo